Melhor altura para visitar Indonésia

Caiaque de mar

Uma das melhores maneiras de explorar a beleza intacta da Indonésia

Partilhar

Ultima atualização:
reason default image
Ver tudo

Caiaque é uma experiência imprescindível na Indonésia com milhares de ilhas abençoadas com bela natureza para explorar. Você pode remar para cavernas costeiras, praias isoladas e comunidades remotas vivendo com a conexão limitada com o mundo exterior. Você pode acampar sob as estrelas e aproveitar a experiência mais exótica imaginável. Você terá a oportunidade de observar animais selvagens como búfalos, macacos, veados e porcos selvagens. Será uma atividade fisicamente desafiadora, mas também oferece muito tempo para relaxar e desfrutar.

As melhores áreas para caiaque na Indonésia incluem Bali, com suas belas praias intocadas que são perfeitas para esnórquel e natação, e a área do Parque Nacional de Komodo onde você terá uma chance de ver os famosos dragões de Komodo de perto.

Se você está à procura de mais relaxamento e tranquilidade, escolha remar o Lago Toba de 100 km de comprimento na Província de Sumatra Setentrional. É também um vulcão, tornando-o ainda mais atraente.

O rio Asahan oferece emoção para fãs de águas brancas. Este rio de 150 km de comprimento oferece bons rápidos e volumes de água elevados, especialmente no início da estação seca.

Para a visitas à ilha, escolha as ilhas de Raja Ampat, que é traduzida para significar 'os Quatro Reis'. Este arquipélago de cerca de 1500 ilhas é perfeito para umas férias de caiaque. A natureza rica e incontaminada dessas ilhas é explicada pela falta de acessibilidade – é definitivamente fora do caminho batido! Outra opção é as Mil Ilhas, ao norte de Jakarta. Existem cerca de 110 ilhas, mas nem todas estão abertas ao público. Há ainda muitas oportunidades para descobrir algo especial aqui, como a vida selvagem e marinha, bem como algumas vistas bastante deslumbrantes.

O melhor momento para ir de caiaque é durante a estação seca. Os passeios organizados geralmente estão disponíveis de março a dezembro, com pico em junho e agosto.

Informação prática

Faça uma pergunta